10 de agosto de 2017

Brasileiro já pagou mais de R$ 1,3 trilhão em impostos em 2017

Na última terça-feira, 8, o Impostômetro, uma espécie de calculadora de impostos criada pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) ultrapassou os R$ 1,3 trilhão. Isso significa que, desde o primeiro dia do ano, o brasileiro já pagou mais de um trilhão de reais em impostos.

A marca de arrecadação deste ano chegou 22 dias mais cedo do que em 2016, o que significa que o valor de tributos pagos aumentou no último ano.

Para Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), o montante reflete o aumento do PIS, da Cofins sobre os combustíveis e da inflação.

“Conclusão: o rombo no bolso dos consumidores está cada vez maior”, pontua. Mas, para ele, há também um lado bom nos números obtidos: “O comportamento da arrecadação sinaliza que, embora lentamente, a economia brasileira está no caminho da recuperação”, revela.

O Impostômetro foi criado em 2005 para conscientizar os cidadãos sobre a carga tributária e incentivar que eles cobrem por serviços públicos melhores. Ele contabiliza todo o dinheiro arrecadado pelo governo em impostos, taxas e contribuições, incluindo multas, juros e correção monetária. Para visitá-lo basta ir até a Rua Boa Vista, número 51, no centro de São Paulo.

Se preferir, o consumidor pode acompanhar em tempo real os índices acessando www.impostometro.com.br. Na página, também é possível encontrar outros dados, como a arrecadação por estado, município e suas projeções.


Fonte: Yahoo





Comentários
0 Comentários