20 de novembro de 2014

MP denuncia motorista de Campos Novos por acidente com quatro mortes na BR-153

O Ministério Público denunciou nessa semana o motorista Cristiano da Silva Lara, condutor de um caminhão com placas de Campos Novos e que se envolveu em um acidente com quatro mortes na BR-153 em Barra Seca por homicídio culposo. A colisão ocorreu no dia 3 de agosto de 2013 deixando quatro vítimas fatais e uma gravemente ferida. A tragédia ocorreu por volta das 9h da manhã de um sábado. O caminhão descia a serra e o Ford/Fiesta com placas de SãoDomingos fazia o sentido oposto.

O caminhão em alta velocidade acabou invadindo a pista contrária em uma curva e colidindo frontalmente com o carro. Morreram no acidente Erotildes Fátima Camilotti, Cristiane Camilotti (filha de Erotildes), Ricardo Canci (genro de Erotildes) e uma amiga da família, Luciane Arcari, de Xanxerê.

Do acidente sobreviveu apenas Amilton Camilotti, marido de Erotildes e pai de Cristiane. Na época do acidente todos se deslocavam para uma formatura em Passo Fundo. De acordo com as informações dos autos do processo, não ficou comprovado à falta de freios do caminhão que chegou a sair da pista, mas houve negligência com relação a manutenção. A falta de conservação dos freios pode ter contribuído para a ocorrência da tragédia.

O veículo Ford/Fiesta ficou completamente destruído com a violência da colisão. O Corpo de Bombeiros e SAMU trabalharam mais de 40 minutos para resgatar o condutor do carro que ficou preso nas ferragens e estava em com quadro crítico. Amilton Camilotti ficou internado por um longo período no Hospital São Francisco e depois foi liberado para se recuperar em casa.

A pena para o crime de homicídio culposo varia de dois a quatro anos.


Fonte: Atual FM.








Comentários
0 Comentários