13 de novembro de 2014

Aline Rocha conquista o 3º Lugar em Meia-Maratona no Japão

O sonho de participar da maior e mais tradicional corrida de rua do mundo para corredores em cadeira de rodas se concretizou e ainda teve um sabor muito especial para a atleta Aline dos Santos Rocha. A 34ª Oita International Wheelchair Marathon realizada na cidade de Oita, no sul do Japão, reuniu 270 atletas de 15 diferentes países. Em meio aos melhores atletas do mundo, a brasileira Aline Rocha, que participou pela primeira vez do evento, destacou-se com a conquista do 3º lugar.

Motivados pelo veterano Carlos Roberto de Oliveira, que já participou seis vezes da Oita International Wheelchair Marathon, os atletas Aline Rocha e Heitor Mariano dedicaram os últimos meses em preparo para disputarem a prova. A participação de brasileiros nesse evento já é de longa data, mas poucas vezes foi expressiva. Encantados pela organização e dedicação dos japoneses para realizar esse evento, o grupo brasileiro, que foi formado por quatro pessoas (Atletas: Carlos Roberto de Oliveira, 54 anos, Heitor Mariano dos Santo, 30 e Aline dos Santos Rocha, 23; Técnico: Fernando Orso Alves), conquistou não só os japoneses, mas diversos atletas de outros países.

Pela segunda vez competindo em provas de Meia-Maratona, Aline Rocha, que tem o patrocínio do Laboratório Pasteur e apoio da Farmácia Formularium de Manipulação surpreendeu a muitos com um desempenho espetacular, que apesar da chuva conseguiu fazer o percurso em 57min e 32seg, conquistando o terceiro lugar. Em primeiro lugar ficou a atleta australiana Rosemary Little e em segundo a atleta japonesa Nakayama Kazumi. Aline relatou que uma das suas maiores dificuldades foi durante a largada, pois como seu melhor tempo em meia-maratona era de 1h05min, acabou ficando na quinta fileira, largando no meio de diversos atletas que fizeram uma largada significativamente mais lenta. Enfrentando problemas para alcançar os pelotões, não teve possibilidade de se aproximar das concorrentes que acabaram sendo mais rápidas.

No masculino, Heitor Mariano conseguiu uma excelente largada e terminou a prova na 15ª colocação e Carlos Roberto de Oliveira ficou na 32ª colocação. Com a conquista do troféu de terceiro lugar, Aline alcançou o melhor resultado de todos os tempos entre os brasileiros. Para o técnico, Fernando Orso, o resultado e a marca de Aline a colocam como uma das melhores do mundo, aumentando as chances de representar o Brasil nos Jogos Paralímpicos de 2016. "Para compor uma seleção brasileira é necessário atingir uma série de metas, e a cada dia que passa Aline Rocha aumenta as possibilidade de cumprir essas exigências" destaca Orso que completa afirmando que nos próximo 30 meses terá que fazer um trabalho sistemático para que Aline alcance essas metas.

Fonte: Nativa Comunicação Integrada.








Comentários
0 Comentários