8 de julho de 2013

Escola itinerante de Pinhal Preto é alvo de ladrões

Prejuízos ao patrimônio público e preocupação com a segurança na Escola Isolada Pinhal Preto, em Campos Novos (SC). Pela terceira vez, houve registro de furto no estabelecimento de ensino que abriga alunos das escolas multisereada e itinerante.

No furto praticado na noite de domingo (7), de acordo com os registros da Polícia Militar, os ladrões foram audaciosos e levaram geladeiras, botijões de gás, televisor, aparelho de DVD, impressora, computadores e um armário com todos os produtores da merenda escolar.

Prefeito Nelson Cruz manifestou preocupação com o ocorrido e declarou  que haverá reposição.

Moradores das proximidades da escola afirmam que não viram nada.

Além de furtarem objetos de grande porte e relativamente pesados, que exigem a presença de mais de uma pessoa, os ladrões ainda deixaram um recado ou neste caso, uma ameaça, afirmando que da próxima vez vão atear fogo na escola.

Sem dúvida, um desafio às autoridades responsáveis pela segurança no município.

A secretária de educação Rosangela Luftt, confirma que esta é a terceira ação desta natureza na Escola do Pinhal Preto. Na noite desse domingo, os ladrões entraram pelo telhado. Segundo Rosangela, o que não foi furtado foi destruído.

Em função da ação dos bandidos, as aulas foram suspensas hoje na Escola Isolada Pinhal Preto.

A secretária declarou ainda que iria conversar na manhã desta segunda-feira (8) com a Polícia Militar, a fim de solicitar orientação quanto a melhor atitude a ser adotada, em função da ameaça deixada.

Depois das duas primeiras ocorrências na escola, medidas de segurança foram reforçadas, como colocação de grades, travas mais resistentes nas portas e alarme, mas  infelizmente não inibiram a ação dos ladrões. (Texto: Rádio Cultura AM)






Fotos: Polícia Militar 


Comentários
0 Comentários